O Beijo do Vampiro, sucesso infantojuvenil e fracasso de audiência

O Beijo do Vampiro foi uma novela produzida pela Rede Globo, entre 26 de agosto de 2002 e 2 de maio de 2003, em 215 capítulos. Escrita por Antônio Calmon com colaboração de Álvaro Ramos, Eliane Garcia, Lilian Garcia, Maria Helena Nascimento e Mauro Wilson, direção de Marcos Paulo, Roberto Naar, Luiz Henrique Rios, Edgard Miranda e Paulo Silvestrini, direção geral de Roberto Naar e Marcos Paulo e direção de núcleo de Marcos Paulo.

Para escrever a novela, Antonio Calmon se inspirou no clássico Dráculade Bram Stoker (1992), de Francis Ford Coppola e no filme O Baile dos Vampiros (1967), comédia de terror dirigida por Roman Polanski.

A obra narrava o amor de seres sobrenaturais, drama, humor e a luta do bem contra o mal. O Beijo do Vampiro também retoma a temática dos vampiros por Calmon, já usada 11 anos antes com o sucesso de Vamp (1991).

o-beijo-do-vampiro-claudia-
O Beijo do Vampiro – 2002 (Rede Globo)

Na época, a novela fez tanto sucesso com o público infantojuvenil que contou com um site (http:// vampiromania.com.br) para divulgar bastidores da produção e histórias relacionadas ao universo dos vampiros.

Tarcísio Meira recebeu, em setembro de 2003, o prêmio Austregésilo de Athayde por sua atuação na novela. A premiação é concedida aos 50 profissionais que mais se destacaram no cenário artístico, cultural e empresarial da cidade do Rio de Janeiro.

Kayky Brito ganhou o Prêmio Contigo! de 2003 como melhor ator revelação; Cecília Dassi foi eleita a melhor atriz infantil; e Marcos Paulo ganhou o prêmio de melhor diretor. A novela também foi ganhou o prêmio Contigo! de melhor maquiagem.

Embora sucesso entre a garotada, a novela teve uma média final de 28,2 pontos de audiência. Considerada um fracasso de Ibope para o horário, que exigia 35 pontos na época.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *